Domingo, 6 de Julho de 2008

Quadras (1)

Quadras de pé quebrado

 (Do Poeta das Dúzias, fazedor de versos

 de pé quebrado para o Carapau)

 

A tua vida Carapau amigo

Dava um romance de cordel.

Que gostava de escrever contigo

Se tivesse jeito, lápis e papel.

 

Carapau toma cuidado

Que andam com o olho em ti.

Se não queres ser arrastado,

Dó ré mi fá sol lá si. ***

 

Se não queres ser “alimado”

Nem sequer seco ao sol,

Carapau! Tem cuidado

Com a rede e com o anzol.

 

Com essa pele a azular,

Esguio, esbelto e finório,

Não te deixes apanhar

Como aconteceu ao Tenório.

 

Que como sabes era atum

Entre todos muito afamado,

Mas que um dia foi só mais um

A acabar bem enlatado.

 

Portanto Carapau amigo,

Tem em atenção este recado.

Se fizeres como te digo

Nunca acabarás escalado.

 

Pois assim, a fazer asneiras,

Podes correr algum perigo.

E quando arranjares navalheiras

Não te esqueças do teu amigo.

 

*** Nota: Liberdade poética que quer

                dizer: “dá-lhes música”.

 

publicado por Carapaucarapau às 11:01
link do post | favorito
De Maria Araújo a 8 de Julho de 2008 às 23:37
Oi carapau. Mas que poético me saíste.... Tens muitas qualidades. Será que não andam por aqui, "blogs",algumas chaputas bem ariscas a pavonearem-se enquanto apanhas sol nesse mar da Caparica?
Hummmmm! Que canto mais melodioso "dó ré mi fá sol lá si dó". Nem sabia que tinhas a arte de cantar (e dizes que é para dar música). Não! Tu és um verdadeiro ...jogral. Adorei.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Pó e teias de aranha

. Aleluia!

. Dignidade

. Balanço

. Outros Natais...

. A dúvida

. Promessas...

. Pulítica

. O não post...

. Quem sai aos seus ...

.arquivos

. Novembro 2018

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds