Quinta-feira, 17 de Novembro de 2011

Ainda os pintores e as pinturas

Como referi no post anterior, umas das pinturas célebres de que Picasso fez mais paráfrases foi a partir da obra “Las meninas” de Velásquez. Para além de ter feito um quadro réplica do original, mas com a sua interpretação, fez sobretudo quadros baseados nas figuras que compõem o quadro original. Foram portanto “variações” sobre parcelas do quadro original.

Não vou aqui contar o que representa o quadro de Velásquez, isso pode ser encontrado em qualquer local, nem vou pormenorizar muito as dezenas de paráfrases que Picasso fez. E que pintou duma maneira contínua e até obsessiva durante um certo período de tempo, de tal modo que até deixou a sala que habitualmente lhe servia de atelier na sua casa de Cannes e se refugiou no sótão, fora do barulho e movimento da casa. Aqui, onde assentou arraiais durante uns 4 meses, pintou tudo ou quase tudo o que fez relacionado com “Las meninas”. Acontece que as pombas do pombal eram visitas habituais e então Picasso, pelo meio dos quadros sobre “Las meninas” também pintou uma série deles tenho como motivo as pombas, com o jardim o céu e o mar que avistava da janela.

E agora vamos a alguns dos quadros.

       

        1 – O original: “Las meninas” de Velásquez, de 1656 e que pode ser visto no Museu do Prado, em Madrid.

 

 

       

        2- A versão de Picasso, de 1957, que está no Museu Picasso de Barcelona, onde pode ser visto com uma série de pormenores a partir do mesmo quadro original.

 

                                           --o--

 Tenho uma série de esboços meus sobre o quadro original do Velásquez para também eu tentar fazer umas habilidades, mas nunca passei dos esboços pelo que não os apresentarei.

O que fiz, isso sim, foi algumas “interpretações” dos quadros parciais do Picasso, assim como dos das pombas. São esses que apresento a seguir.

 

 

          

       3- Cá está uma “variante” minha sobre um das dezenas que Picasso pintou sobre uma “parcela” de “Las meninas” (canetas de feltro sobre papel).

 

        

       4- E um exemplar dos quadros sobre as pombas (caneta de feltro sobre papel).

 

Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.        

publicado por Carapaucarapau às 17:56
link | comentar | favorito
7 comentários:
De Maria Araújo a 20 de Novembro de 2011 às 17:18
Gostei.
Não tenho jeito para tanto.


Beijinho


De Carapau a 21 de Novembro de 2011 às 13:38
Jeito também não tenho.
Mas tive um avô que dizia: "se os outros fazem eu também hei-de fazer".
Só que neste campo o meu "hei-de fazer" é mais do tipo "hei-de copiar" ou pelo menos andar lá perto.
Bjo.


De Maria Araújo a 22 de Novembro de 2011 às 11:13
Copiar também é uma arte, que nem todos sabem fazê-lo



Beijinho


De Teresa Santos a 22 de Novembro de 2011 às 17:36
Carapauzito,

Estou espantada com a arte aqui exposta, mas...?

Mas só acredito quando vir uma variante do Sr. Carapauzinho, de preferência só o rosto. Primeiro porque quero conhecer bem os seus traços, depois porque fazer um carapau inteiro ia dar uma trabalheira, mas que trabalheira!

Pode ser a caneta de feltro, não há problema.

Não pode ser a tinta de China????

Abraço (pois, barbatanas?...)



De Carapau a 23 de Novembro de 2011 às 19:15
Isto aqui é para quem tenha fé e acredite em tudo.
No entanto vou pensar no caso e talvez faça uma surpresa (que assim sendo já nem é surpresa completa).
E mais não digo.
Abraço


De Teresa Santos a 24 de Novembro de 2011 às 17:35
Carapauzito,

Diz, diz!

E se fizesses?!

Não me mandes sentar. Já estou sentadinha!

Estou à espera.

Abraço?
Só depois da promessa cumprida!!!!!


De Arroba a 23 de Novembro de 2011 às 21:17
Temos pintor! Ah! Faneca!! Ups ah Carapau!!! Passei por aqui para o convidar para a sessão de lançamento do meu livro Palavras Nossas - Colectânea de Poesia ( finalmente!!!! Dia 3 de Dezembro de 2011 na FNAC do Colombo- diz o Editor que é a Catedral do Livro ( e eu acrescento : comercial)
Abraço poético


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
28

29
30
31


.posts recentes

. E vai (mais) um...

. Pó e teias de aranha

. Aleluia!

. Dignidade

. Balanço

. Outros Natais...

. A dúvida

. Promessas...

. Pulítica

. O não post...

.arquivos

. Dezembro 2019

. Novembro 2018

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Contador de visitas

Criar pagina
Criar pagina
blogs SAPO

.subscrever feeds