Quarta-feira, 1 de Dezembro de 2010

Fardas

Como os restaurantes que têm um placard à porta a dizer “Hoje há tripas”, ou “Hoje há rojões”, ou “Hoje há caras de bacalhau”, ou “Hoje há jaquinzinhos fritos com arroz de tomate”, ou …

… aqui, hoje, há um post com duas partes e com a colaboração (roubada) de um anónimo.

 

                                                                                                     

 

 

1- Fardas

Cruzo-me quase todos os dias, à hora do almoço, com uns grupos de “executivos”. “Executivos” é como eles se intitulam. “Sou um executivo da empresa Xis”. Não sei o que executam, se executam mesmo, ou se o fazem mal ou bem. Pouco interessa para o caso. Não interessa mesmo nada, que como sabem é ainda menos que pouco. Vêm todos fardados. A farda é a mesma, sejam eles da empresa Xis, da Ypsilon ou mesmo da Zê. Fatinho cinzento-escuro, bem escuro, quase preto, azul-escuro muito escuro e preto, quase cinzento-escuro. A farda compra-se nas lojas que vendem fardas. A camisa é branca, às vezes azul, a gravata é a da moda para fardas, em geral de uma só cor: azul-bebé, verde ervilha, roxa, mesmo sem ser na semana santa, rosa, ó rosa arredonda a saia, por aí…

Se um dia eu encontrar um “executivo” com um casaco aos quadrados, ou liso mas castanho, verde ou azul darei aqui sinal ao mundo. Só que um “executivo” vestido assim, destoava do “rebanho” e até era capaz de ser competente mas não era “dos nossos”. Para estar sentado a uma secretária em frente dum computador (a jogar o quê?) ou a fazer uns telefonemas, não há nada como um fatinho completo cinzento muito escuro, quase preto, etc. etc. etc.

Falei de “executivos”, mas também há “executivas”. Também usam fardas próprias para “executivas”, quase iguais às dos seus colegas masculinos, mas sem gravata.

Por mim prefiro ver** uma “executiva” sem farda a um “executivo”, mas estando ambos fardados, venha o zarapelho e escolha.

 

** Ver - (do latim videre), v. tr.  conhecer ou perceber pelo sentido da vista; contemplar; assistir; presenciar; olhar para; ser testemunha de; examinar; observar; apreciar; notar; ponderar; deduzir; antever; distinguir; enxergar; calcular; avaliar; visitar; tomar cuidado em; experimentar; prestar atenção; conhecer.

 

Por aqui se pode VER a riqueza da língua de Camões e também se pode ficar a fazer uma ideia do que eu quis dizer quando escrevi aquela palavrinha “ver”.

 

 

                                             

                         

2- “Colaboração” de um anónimo.

 

Trata-se de um comentário feito a um artigo num Jornal de Economia, que versava (o artigo) a conversa da actualidade: a crise, a nossa crise, a crise da Europa, a Alemanha isto e a Alemanha aquilo.

Um leitor, que se identifica como “Carlos 1908”, deixou o seguinte comentário que transcrevo pela graça e fina ironia que dele transborda.

 

 

"Está visto que a Alemanha reunificada se está nas tintas para a UE.
Só temos uma solução:
- DECLARAÇÃO DE GUERRA -.
1. Mandamos sair imediatamente os submarinos rumo a Berlim.
2. A infantaria avança em TGV.
3. A nossa horda de funcionários públicos ocupa e paralisa toda a economia alemã em três tempos.
4. A malta das Novas Oportunidades transforma os alemães em analfabetos incapazes.
5. A brigada do Ministério da Educação bombardeia o país com os milhões de toneladas de lixo tóxico que foi acumulando nos seus arquivos.
6. O nosso sistema de Justiça encarrega-se da guerra psicológica, levando a maioria da população alemã à loucura e ao suicídio.
7. O Partido Socialista encarrega-se dos financiamentos necessários.
8. O Prof. Cavaco nomeia os generais.

JUNTOS VENCEREMOS
VIVA A 3ª REPÚBLICA".

 

Pela minha parte só tinha acrescentado ao ponto 1, os blindados…

publicado por Carapaucarapau às 11:27
link | comentar | favorito
3 comentários:
De Maria Araújo a 2 de Dezembro de 2010 às 18:13
Muito bem. Mas esta é a que me diz mais respeito, porque a dos funcionários públicos , nada me diz.

"4. A malta das Novas Oportunidades transforma os alemães em analfabetos incapazes."

Beijinho


De Carapau a 5 de Dezembro de 2010 às 18:45
Como disse no post a 2ª parte do mesmo não é minha.
Só a reproduzi por lhe achar muita piada e com isso não pretendo ofender ninguém. Brincadeira é brincadeira.
Bjo.


De Teresa Santos a 10 de Dezembro de 2010 às 20:57
Pois é, tenho estado ausente, mas não em parte incerta. Eis-me, então, a visitar o Carapauzito.
As Fardas, ai as fardas! Mas se as ditas fazem parte do "cenário"?! Ou será do guarda-roupa do "teatro"? Não sei. Só sei que fazem parte! Onde ficavam as aparências, onde?


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
28

29
30
31


.posts recentes

. E vai (mais) um...

. Pó e teias de aranha

. Aleluia!

. Dignidade

. Balanço

. Outros Natais...

. A dúvida

. Promessas...

. Pulítica

. O não post...

.arquivos

. Dezembro 2019

. Novembro 2018

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Contador de visitas

Criar pagina
Criar pagina
blogs SAPO

.subscrever feeds