Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2010

Um quadro negro

 

                    

 

País pequeno e pobre, padecendo dos piores problemas para poder parecer progressista ao povo parvo, papalvo, pouco politizado, porém propalando postas de pescada. Políticos prolixos papam as papas na pinha do povo prometendo promessas patuscas, para poderem praticar o picanço. Procuradores protelam polémicos processos para poderem prescrever e passarem por probos. Poucos putos e putas pavoneiam prosperidades e propriedades e proclamam o próprio preço da progressão.

 

Onde os otários ouvem opiniões opostas e oportunamente optam por outorgar a outros óptimas oportunidades para operarem óbvios ofícios, onde o ouro oculta outras ordens.

Realidade ranhosa rasoira razoavelmente a réstia de rigor. A razão rasteja realmente rasgada. Ratos ratam, roem e realizam no rectângulo o retrocesso, refugiando-se nas redomas e nos redutos, receosos. Regrados remoem remédios e remam resignados. Reais recuos regista o regime.

 

Todos tentam topar tentadores tachos, trupes de trapalhões tapam todos

os tipos de trapaças e testam tentaculares tropelias. Tecnocratas tecem teorias, torcendo todas as teses. Todos tramam todos, totalmente tramados por tanta tolice.

 

Unidos unicamente no último ulo, urdimos nas urnas utopismos, untamos as unhas a uns e ultrapassamos ultrajes. Ulteriormente uivamos. Ungimo-nos e urinamos.

 

Gajada gosta de graveto, gagueja graças às galdérias, gajas e gajos gostam dos gargarejos e de galgar (pró) galarim, grandes gozadores, galhofeiros, gandulos gamadores de galináceos e grandes, grandes gabarolas.

 

Amadores na arte de arengar, atávicos artistas de artimanhas, admiradores de artes arcaicas, amigos do alheio, arquitectos de aldrabices, alguns ainda ajudam a adular almas afins.

 

Laureados latinos limpadores de latrinas, lamentamos lapsos, lateralizamos leis, laureamos “latas”, lançamos larachas. Laparotos

loquazes lemos lombadas e lambemos os lábios nas lautas libações. Lavramos lérias e lastimamos o labor.

 

 

Porém Outros, Raros, Testemunham Uma Grandeza  d’Almas Límpidas.

 

(Pois O Rapaz Tava Unicamente Gozando A Lusitanidade).

 

publicado por Carapaucarapau às 14:44
link do post | comentar | favorito
22 comentários:
De maria teresa a 21 de Janeiro de 2010 às 21:46
Pobre piqueno passou-se para pior, presta provas.
Ostras orquestradas originam óptimas orgias
Reinam, roubam, raptam
Todas temem tentativa de traficância
Ungidas usam unguento unicamente unipessoal
Geração geriátrica gera golpada com granadas
Aprovado apreendimento apropriado de arreatas agarradas aos asnos
Lobos-marinhos lobrigam "luvas" levantadas de locais lamentavelmente localizados

Por Odens Recebidas Tudo Gravado Após Ligação


De Carapau a 21 de Janeiro de 2010 às 23:47
Pois era
Outro
Risco.
Tu
Uma
Grande
Artista
Literária, embarcares no mesmo barco. Rema!


De maria teresa a 21 de Janeiro de 2010 às 23:58
Porquê
Olvidar
Riscos?
Tens
Um
Grande
Alcance
Linguístico!
Remei?


De Carapau a 22 de Janeiro de 2010 às 14:28
Parece
Óbvio que
Remaste. (mal*)
Tiveste
Um
Golpe d'
Asa!
LOL.

*Mal, porque o "Remei?" devia estar à frente do Linguístico! E espero (?) que este não tenha um segundo sentido :-)


De maria teresa a 22 de Janeiro de 2010 às 14:57
Precipitação na
Opinião
Reprovativa
Totalmente
Urdida p´ra
Gratuitamente
Apelares à
Luxúria


De Carapau a 22 de Janeiro de 2010 às 19:57
Pois
O
Resto
Tentava
Uma
Graça.
Apelas ao
Logaritmo?


De maria teresa a 22 de Janeiro de 2010 às 20:36
Proporção
Operação
Razão.
Triplicar
Unidades!
Graus e
Ângulos
Linguagem "nossa". Concordas?


De Carapau a 23 de Janeiro de 2010 às 14:41
Proponho
Outro
Rumo.
Tentar
Uma
Grande
Aliança
Libertadora (deste tipo de escrita, senão fujo)


De maria teresa a 24 de Janeiro de 2010 às 10:36
Prometo
Obedecer
Renegando
Temporariamente a
Uma
Gratificante e
Adequada diversão
Léxical

Para Outras Reais Tentativas Usa Grafia Antiga Lusa



De Maria Araújo a 21 de Janeiro de 2010 às 22:28
Que trabalho!
Foste ao dicionário de português online?

Beijinho


De Carapau a 21 de Janeiro de 2010 às 23:45
Olha que não, olha que não...
Bjo.


De Rafeira a 22 de Janeiro de 2010 às 14:26
Sempre surpreendida


De Carapau a 22 de Janeiro de 2010 às 19:58
Ainda bem. Julgava que já não surpreendia ninguém!


De arroba a 22 de Janeiro de 2010 às 21:46
Pois
ora aí está!
rendo-me
totalmente
Único no género
Grande talento
adorei!
Literalmente ( isto é viciante)

Mas consegui expressar-me subordinada ao espirito da "coisa" rsrsrrs


De maria teresa a 22 de Janeiro de 2010 às 22:23
Parabéns!
Oportunidade
Rara!
Tomou
Uma
"Gôndola", chegou e
Aderiu
Legitimamente!


De Carapau a 23 de Janeiro de 2010 às 14:51
Ora aqui está um comentário que me dá um jeitão de todo o tamanho. Ficas a tomar conta do tasco ,enquanto eu vou ali e já volto com outro tema, antes que isto se propague em série. E nisto de séries tu és uma artista. Se for logarítmica ainda melhor (ou pior?).


De Carapau a 23 de Janeiro de 2010 às 14:47
Portanto
O
Render
Trava
Uma
Guerra.
Assim,
Louvemo-nos!

(Estou com receio que isto se torne contagioso e o melhor é ausentar-me uns dias, até passar esta onda. Obrigado pela colaboração, mas tenha cuidado!) :-)


De Calendas a 23 de Janeiro de 2010 às 12:24
Caro Carapelho como compoes caprichadamente certas coisas.

Com carinho, Calendas.



De Carapau a 23 de Janeiro de 2010 às 14:54
Carago! Ca completo comentário. Cultiva couves com capricho!
Cumprimentos.
Carapau


De RED a 24 de Janeiro de 2010 às 13:21
Porra!
Olha
Raios partam o gajo que
Tece palavras
Urde pensamentos
(es)Gravata letras...
Abençoadas
Larachas!


De Carapau a 24 de Janeiro de 2010 às 15:38
Perruma
Opugnação
Raucitroante
Tanagrídeo
Undiflavo
Gaspóia
Ancipitado
Luético

Por outras palavras: fiquemos por aqui antes que isto piore ainda mais,

Porque
O
Raio do post
Tá a ficar
Uma
Grande e
Amarela
Larada.


De MeninaDoRio a 2 de Março de 2010 às 10:07
Perfeito
O
Recondito
Tamanho
Unico
Grosseiro e
Alarmante do
Laranjal


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Pó e teias de aranha

. Aleluia!

. Dignidade

. Balanço

. Outros Natais...

. A dúvida

. Promessas...

. Pulítica

. O não post...

. Quem sai aos seus ...

.arquivos

. Novembro 2018

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Contador de visitas

Criar pagina
Criar pagina
blogs SAPO

.subscrever feeds