Quinta-feira, 3 de Setembro de 2015

Férias/Feiras

Duas palavras, as mesmas letras.

Não sou de feiras, mas nas férias frequento, quase semanalmente, uma feira lá nos meus sítios. Nunca comprei nada (a não ser às vezes uns bonés, que perco ainda mais depressa que a cabeça) mas gosto de apreciar o ambiente. Os vendedores/as que gesticulam e gritam para supostamente atraírem a freguesia e aqueles que, calados (dizem que são os melhores) aguardam calmamente que a freguesia venha ter com eles. Nesta feira/mercado há de tudo: desde passarinhos engaiolados, a ferramentas, passando pelas flores e acabando na ruidosa zona do pronto a vestir/despir, é só escolher. Num dos dias despertou-me a atenção um vendedor que berrava como um desalmado “é duas a 5 aérius, é aproveitar esta pechincha, oh freguesa veja esta maravilha”.

A “maravilha” era uma toalha de mesa tendo por motivo decorativo os desenhos e as quadras dos chamados lenços dos namorados ou lenços de Viana. Só que…

Só que esses motivos não eram bordados (com vários tipos de pontos, como manda a tradição) mas estampados numa qualquer fabriqueta, quiçá chinesa.

Havia toalhas espalhadas por toda a barraca e enquanto ele berrava eu mais ou menos disfarçadamente pus-me a copiar algumas quadras.

Às tantas ele viu-me a escrever e dirigiu-se a mim dizendo: “Oh freguês não será melhor comprar-me uma toalha que estar aí com esse trabalho? A si vendo-lhe uma por 3 aérius”.

Eu sorri e como já tinha o que queria dei meia volta e fui aos bonés.

Agora aproveitei este episódio “vacancial” para reabrir o blog, que também esteve de férias.

E, sem mais, as quadras recolhidas:

 

Coração por coração

Amor não troques o meu

Olha que o meu coração

Sempre foi lial ao teu

 

Bai carta feliz buando

Nas asas duma pombinha

Cando bires o meu amor

Dale um abraço e um veijinho

 

Aqui tens meu coração

E a chabe pró abrir

Num tenho mais que te dar

Nem tu mais que pedir.

 

Meu Manel vai pró Brasil

Eu também vou no vapor.

Guardado no coração

Daquele que é o meu amor.

 

Lenço%20das%20Quadras2.jpg

 Só para dar um pouco de cor deixo aqui um lenço dos verdadeiros.

 

Neste post, claro que o Lince não meteu o dente não fosse ele esfrangalhar-me as quadras.

 

 

 

 

publicado por Carapaucarapau às 11:45
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De maria teresa a 3 de Setembro de 2015 às 12:41
Meo amore foi de frostes
Eu fiquei só, a churare ...
Tou esperando é que avoltes
Nas asas duma adorinha (não rima mas é mesmo assim)

Boltates, não te asperava
Mesmo assim deixo um beiju
Nesta bida amaludada
Nada se disperdiçou

Toma o beiju e dá-me outru
Debaixu de uma azinheira
Vou pra casa fazer o almoçu
Assar uma farinheira

Tou louca, não ligues não
O meu coração arrebentou
Tanta foi a alegria
De ver que Carapau voltou :) :) :)

Tenho mais que fazer ... voltaste em grande :)
Beijinhos operculares chuacadsos e vivam as feiras populares!


De Carapau a 6 de Setembro de 2015 às 18:48
Eu cá num sou de Biana
Meus bersos num têm jeito.
E tu poetisa duma cana
Obrigas-me a puxar pelo peito.

Mas ficar-me, eu cá num me fico
Queu não biro a cara pró lado.
Se tu não fechares o bico
Eu num bou ficar calado.

Boltei, ah pois pra cá boltei
Nem consigo ficar pasmado.
Ou cuidas queu emigrei
Sem levar manta e cajado?

Eu nem asso a farinheira
Nem almoço assim tõ pouco.
Fico-me por aqui na cavaqueira,
Senão em breve fico rouco.

Mas só para terminar
Este meu lenço/lençol
Fica aqui o meu beijar
Até ao nascer do sol. *

*- Também pode ser: até ao Põr do sol.


De GL a 3 de Setembro de 2015 às 19:58
Há Carapaus cá com uma sorte!...
Então o pobre do feirante, que devia estar rouco de tanto gritar, em vez de te dar uma valente sova por lhe estares a roubar os direitos autorais (não, os versos não eram da autoria dele, mas estavam gravados em "propriedade" sua!), limita-se a pedir que compres uma toalhita e ainda faz desconto nos aérius ?! Feirante mais tótó ...

Olha, como te portaste mal não há abraço para ninguém!!! Onde é que já se viu uma coisa destas?!


De Carapau a 6 de Setembro de 2015 às 18:52
Pensando agora melhor (à posterior a gente pensa sempre melhor) tinha comprado a toalha para te oferecer pró chá. Ficava chique a valer.
Em Londres seria para o Five o'clock tea. :))
Abraço


De GL a 9 de Setembro de 2015 às 10:11
Ah, mas ainda não é tarde!
Faça a fineza de meter pézinhos a caminho e ir lá buscar a dita.
A chaleira está ao lume, o pão-de-ló no forno, por isso nada de atrasos.

Abraço? Era só o que faltava!:)


De Maria Araújo a 4 de Setembro de 2015 às 13:14
Que voas férias nas feiras
Tiveste tu Carapau
Regressaste à tua caberna
Com poesia de encher o coração.

Estou farta de ber, Carapau
Essas tualhas estampadas
Nas esplanada do meu vurgo
Para os estranjas chamarem

Mas com prazer te digo
Não suporto tanta tradição
Nestas peças que tu dizes
Talvez Chinesas de confeção.


Bem-vindo!

Beijinho



De Carapau a 6 de Setembro de 2015 às 19:17
São aí "da tua beira"
As quadras qu'eu prantei.
Por isso num tenho maneira
De dizer que fui eu cas imbentei.

Qu'eu quando invento
É sempre de encher a bista.
Não t'alembras do meu talento?
Queres que te faça uma lista?

Vai mas é prá ginástica
Dar saltos e cambalhotas
Naquelas camas elásticas
Que são feitas prás belhotas! :))

Bjo.


De Maria Araújo a 6 de Setembro de 2015 às 22:50
Camas elásticas feitas prás belhotas?
Não sabes tu Carapau
Quem por lá faz piruetas.
São tão ou mais cotas que eu
E às mais nobas dão liçon.

De poeta e escritor
És tu mui bem prendado
Tomara ter eu Carapau,
Uma bista mui alargada.

Vieste à minha beira
Buscar a inspiração
Grande matreiro, Carapau.
Que belas quadras fizeste tu!




De Anónimo a 10 de Setembro de 2015 às 00:01
"Belas quadras" faço eu,
Dizes tu porque és simpática
Mas o gozo é todo teu
Ao saltares na cama elástica.

Que eu bem vejo, lá no Cantinho
As mil e uma atividades que fazes.
Por isso fico muito caladinho
Por isso é melhor fazer as pazes.

Pazes de quadras, somente
Digo-o eu outra vez.
Quem quiser vá lá e comente
A tua reportagem sobre o Gerês.

Bjo.


De Labirinto de Emoções a 7 de Setembro de 2015 às 03:49
Para quadras não tenho jeito
Nem me apetece espremer o miolo
Levas um beijo e está feito
Que eu vou comer o meu bolo

Bem regressado das vacances..:-)))


De Carapau a 10 de Setembro de 2015 às 00:05
O meu jeito para quadrar
É um jeito bem português.
Faço umas coisas para disfarçar
E compro-as na loja do chinês.

Bjo.


De GL a 10 de Setembro de 2015 às 11:16
Ora vamos lá a saber.
Que dia é hoje? Quinta-feira, é isso mesmo!
Horas, que horas são? 10h26 da matina. Muito bem!
Então qual o motivo que justifique a não publicação de um novo post, como está estabelecido?
Ah, ainda está na feira. Havia uma grande fila? Pois, imagino!

Não há abraço, nem pensar.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Aleluia!

. Dignidade

. Balanço

. Outros Natais...

. A dúvida

. Promessas...

. Pulítica

. O não post...

. Quem sai aos seus ...

. Férias/Feiras

.arquivos

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Contador de visitas

Criar pagina
Criar pagina
blogs SAPO

.subscrever feeds